PRÊMIO MEU PÁTIO É O MUNDO: INSCRIÇÕES PRORROGADAS ATÉ 31 DE AGOSTO

O Prêmio MEU PÁTIO É O MUNDO teve seu prazo de inscrição prorrogado. Os interessados podem se inscrever até o dia 31 de agosto. A premiação valoriza iniciativas de instituições ou programas dedicados à Atenção e Educação na Primeira Infância (AEPI) do Brasil, Argentina, Chile, Paraguai e Uruguai. Podem participar educadores de instituições públicas, privadas ou comunitárias.

Em sua terceira edição, a iniciativa é idealizada pela Organização Mundial de Educação Pré-Escolar (OMEP), em conjunto com o Grupo Arcor no Paraguai e no Uruguai, Instituto Arcor Brasil, Fundação Arcor Argentina e Fundação Arcor Chile, e destina-se a projetos de primeira infância ligados à educação sustentável do Brasil, Argentina, Chile, Paraguai e Uruguai.

No Brasil, podem participar instituições e programas localizados nos Estados de São Paulo, Maranhão, Rio Grande do Sul, Rio de Janeiro e Mato Grosso do Sul.

Os objetivos do Prêmio são: dar visibilidade a projetos criativos e inovadores cujas boas práticas contribuam para a instalação e/ou melhoria da educação para o desenvolvimento sustentável (EDS) para a primeira infância; apoiar os esforços e realizações das equipes de ensino que desenvolvem projetos de EDS que visam melhorar a qualidade educacional e compartilhar as iniciativas e conhecimentos construídos entre professores, comunidades e sistemas educacionais.

A Educação para o Desenvolvimento Sustentável (EDS) visa ajudar as pessoas a desenvolver atitudes e capacidades, bem como adquirir conhecimentos que lhes permitam tomar decisões informadas em benefício próprio e de outras pessoas, agora e no futuro, e colocá-las em prática.

Um total de 10 projetos por país será selecionado a partir da convocatória, apresentados na forma de artigos, que devem ser originais e descrever a produção de conhecimento sobre práticas exitosas que envolvam crianças como protagonistas em processos educacionais para o desenvolvimento sustentável (EDS).

Seus autores participarão de processos virtuais de intercâmbio e orientação com tutores especializados da OMEP de cada país, a fim de fazer ajustes na publicação do artigo, por um período de 30 dias. Uma vez concluídas as adaptações, o júri selecionará de todos os artigos pré-selecionados um (1) vencedor e uma (1) menção honrosa por país.

Cada Projeto vencedor receberá como prêmio um Notebook de 14 polegadas com um mínimo de 4 GB de memória e Windows 10.

Da mesma forma, os vencedores e as menções honrosas receberão um diploma e seus artigos serão incluídos em um LIVRO VIRTUAL publicado pelos organizadores do Prêmio, que concentrará os artigos correspondentes aos prêmios 2018, 2019 e 2020.

Links Úteis

Os interessados ​​em obter mais informações podem consultar as regras do concurso em: https://bit.ly/2ZtSG5Q

Para se inscrever, os interessados ​​deverão preencher um formulário, aberto até 31/08, em: https://bit.ly/3e7kYqN